Português English

Segunda edição do curso de extensão em Histórias e Culturas indígenas traz para debate as lutas dos povos e comunidades tradicionais

Inserido por: Administrador em 10/07/2017.
Fonte da notícia: Assessorias de Comunicação Cimi


Clóvis Antonio Brighenti em aula para os alunos da primeira edição do curso. Foto: Tiago Miotto / Cimi


Iniciou hoje (10) no Centro de Formação Vicente Canãs, em Luziânia (GO), a segunda edição do curso de extensão em Histórias e Culturas Indígenas. A iniciativa é uma parceria do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e a Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). Participam desta edição, entre indígenas e não indígenas, 50 cursistas das cinco regiões do país.

Para Clóvis Antonio Brighenti, professor da UNILA e coordenador do curso, o balanço positivo da primeira edição fez com que as instituições repetissem a formação. “A avaliação do curso realizado em julho do ano passado foi muito positiva, estimulando a continuidade e possível ampliação. Além de extensão, estudamos oferecer futuramente uma pós-graduação com a mesma temática”.

O curso, para Egon Heck, um dos fundadores do Cimi, responde as demandas históricas de movimentos sociais e populares na formação sobre a temática indígena. “A iniciativa trata-se de um retorno a uma demanda que foi sendo sentida nessas últimas décadas”, comentou o missionário. “Existiam solicitações de setores da sociedade e lutadores das causas sociais e populares, ávidos por um melhor entendimento e compreensão do complexo cenário plural em nosso país”, contextualizou.


Grupo que participa da segunda edição do curso. Foto: Laila Menezes / Cimi

Na plenária de apresentação os cursistas manifestaram uma grande confiança nos resultados positivos que esse momento de informação e formação lhes poderá proporcional. Trazem para o curso a expectativa de não apenas adquirir conhecimento sobre as lutas dos povos indígenas, mas também o desejo de contribuir com estratégias de apoio a causa indígena no rompimento de preconceitos, racismos e violências. 

Compõem o grupo mulheres e homens de diversos campos da ciência e das lutas sociais e populares. A comunidade tem representantes das artes, como compositores e atores de teatro, da agroecologia, economia, agronomia, letras, linguística, pedagogos e agentes de saúde.

Os cursistas permanecerão em aula até o dia 28 de julho, com grade de 180 horas/aula. As temáticas abordadas no curso de extensão são História e Resistência Indígena, Conjuntura Política Indigenista, Terra Território e Territorialidade e sua relação com os projetos de Bem Viver, Direitos Indígenas, Antropologia Indígena e questão metodológica do ensino da História Indígena nas escolas.

No Brasil

Governo é “incapaz de sentir qualquer remorso com a dor de milhões”, afirma Rede Brasileira Justiça e Paz

Em mensagem pública divulgada após encontro, Rede Brasileira Justiça e Paz trata “anomalia do atual governo” como projeto que “legitima a adoção de políticas que, num quadro de normalidade, jamais...

Indígenas denunciam a comissionário da OEA crescente violência contra suas comunidades e exigem do Governo andamento nas demarcações

Indígenas reuniram-se na tarde de ontem, domingo (12), com o comissário da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) da OEA, James Cavallaro. A delegação apresentou a realidade de violação...

Encontro Nacional de Direitos Humanos debaterá lutas e políticas sociais no país

Nos dias 8 e 9 de novembro acontece em Brasília o Encontro Nacional de Direitos Humanos em Brasília (DF).

Brasil não comparece a audiências e é cobrado na CIDH

O relator do organismo para o Brasil, James Cavallaro, avaliou as informações apresentadas pelas representações indígenas e quilombolas como “chocantes”

Violência contra indígenas no Brasil é tema de audiência pública na Comissão Interamericana de Direitos Humanos

A audiência ocorrerá na segunda-feira, 23, durante o 165º Período de Sessões da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), em Montevidéu, no Uruguai

Total de Resultados: 655

Página atual: 1 de 131

123456 Próximo Final

Endereço: SDS, Ed. Venâncio III Salas 309/314 - Brasília-DF Cep: 70393-902 - Brasil - Tel: (61) 2106-1650 - Fax: (61) 2106-1651        Twitter - Ciminacional Skype - imprensa_cimi
desenvolvimento: wv