Português English

Começa hoje a reunião do Conselho do Cimi

Inserido por: Administrador em 06/09/2010.
Fonte da notícia: Cimi

Na pauta do encontro estão temas como Conjuntura Política e Indigenista e a Participação de Orgãos do Estado na Criminalização do Movimento Indígena

 

A partir de hoje (7), os membros do Conselho do Cimi estarão reunidos para discutir os rumos da Conjuntura Política e Indigenista no país. O encontro acontecerá no Centro de Formação Vicente Cañas, em Luziânia, até o dia 9 de setembro.

 

Na pauta da reunião ainda estarão temas como a participação de orgãos do Estado na criminalização do movimento indígena, tendo como pano de fundo o caso do povo Cinta Larga, do estado de Rondônia.

 

O momento eleitoral, a participação indígena nas eleições e as implicações das escolhas políticas para os povos indígenas do país também nortearão as discussões.

 

No decorrer do encontro também serão avaliadas as repercursões das mobilizações: Acampamento Contra Belo Monte, que aconteceu em Altamira (PA), entre os dias 9 e 12 de agosto; Acampamento Terra Livre, realizado em Campo Grande (MS), no período de 16 a 20 de agosto; e Acampamento Awá Guajá, que aconteceu no município de Zé Doca (MA), no início de agosto.

Notas do Cimi

Nota do Cimi sobre a CPI da Funai/Incra

Os ruralistas aproveitaram-se dos recursos públicos da CPI da Funai/Incra para visitar suas bases eleitorais, para amplificar o discurso do ódio e da violência contra os povos

Ministro da Justiça afirma compromisso de respeito aos povos indígenas e à preservação de seus direitos

O ministro participou da abertura da 2ª. Reunião ordinária do Conselho Nacional de Política Indigenista

Nota do Cimi: Contra o Militarismo Integracionista, o Fundamentalismo Religioso e o Ruralismo na relação do Estado brasileiro com os Povos Indígenas

O Cimi repudia a indicação do Coronel reformado Roberto Sebastião Peternelli, ex-candidato a Deputado Federal pelo PSC, para a função de presidente da Funai

Nota do Cimi sobre o Massacre de Caarapó e o assassinato do Guarani e Kaiowá Clodiodi de Souza

O genocídio Guarani-Kaiowá avança pelas mãos do agrocrime no Mato Grosso do Sul.

CPI do Genocídio: matam os índios e querem esconder o pau

Nota pública do Cimi sobre o relatório focial da CPI do Genocídio da Assembleia Legislativa do Mato Grosso do Sul, que isenta o estado da responsabilidade na violação de direitos indígenas

Total de Resultados: 146

Página atual: 4 de 30

Início Anterior 123456789 Próximo Final

Endereço: SDS, Ed. Venâncio III Salas 309/314 - Brasília-DF Cep: 70393-902 - Brasil - Tel: (61) 2106-1650 - Fax: (61) 2106-1651        Twitter - Ciminacional Skype - imprensa_cimi
desenvolvimento: wv